14 de agosto de 2014

Alma Artista



Alma artista que pincela o rosto. Na face tinta fresca que desfaz e refaz ao seu gosto. Tons fortes ou suaves. Reflete seu interior segundo suas fases. Degusta a paz de um momento de reflexão. Ouve o bater do coração. O silencio tem dizer. O corpo e a mente em calma irão se entender. O rosto que sorrir e chora. Nossa alma é presa ao corpo. Esta faz arte de dentro para fora. Cria uma obra a cada dia. Assim como as cores o sentimento também varia. Um sorriso pela manhã. Uma lágrima sempre tem uma irmã. Com o pincel borra no canto a cor do prazer. Um sorriso é encantador. Mais bela pintura é um sorriso ao amanhecer. Aceitar cada sentimento como arte faz de si um artista. Entendê-los requer pratica e pensamento otimista. Não se preocupe em fazer perfeito. Pois arte se faz do seu jeito. www.nandodias.tk

3 comentários:

Regina Neto Shallay disse...

Lindo poema!


Adorei seu blog! Voltarei mais vezes!

Anônimo disse...

esse é um dos blogs que eu mais amei parabéns você criador desse blog

Marli Fiorentin disse...

Obrigada. Estejam sempre à vontade. esse espaço é de todos nós mantes da poesia.